20/07/2017

Papus


No contexto da literatura ocultista, Papus, que significa médico da primeira hora, é o nome de uma entidade relacionada à medicina no Nuctemeron. Porém, Papus, é mais conhecido como o pseudônimo de Gérard Anaclet Vincent Encausse, um célebre médico magista espanhol.
Filho do francês Louis Encausse e da espanhola Irene Perez, Gérard nasceu em 13 de julho de 1865, na Corunha, Espanha. Aos quatro anos de idade, sua família mudou-se para Paris, onde o jovem Gérard receberia sua educação acadêmica formal e iniciaria seus estudos de medicina e, paralelamente, tomaria interesse pela literatura ocultista.
Aos dezessete anos ingressou na Faculdade de Medicina de Paris. Nas horas vagas, fazia visitas freqüentes à biblioteca Nacional. Foi neste período que se deparou com os principais escritos de cunho ocultista. Esse contato inicial foi muito importante para despertar o desejo de progredir na carreira médica e, posteriormente, integrar os conceitos alquímicos, astrológicos e filosóficos à atividade profissional. Além da antiga sabedoria dos egípcios, romanos e gregos.
Os anos seguintes foram determinantes para estabelecer Gérard com uma reputação respeitosa entre as sociedades iniciáticas de Paris. Foi neste momento que conheceu o esotérico Alexandre Saint-Yves d’Alveydre, do qual recebeu sua iniciação hermética. Henri Delaage foi o responsável pela iniciação do jovem Gérard na Sociedade dos Filósofos Desconhecidos. Paralelamente, surgiram suas primeiras anotações e passou a integrar e liderar ativamente grupos de estudo e prática alquímica, cabala e outras áreas de estudos.
Em 1887, com apenas 22 anos, escreveu sua primeira obra, intitulada O Ocultismo Contemporâneo. Sua obra, Tratado Elementar da Ciência Oculta, foi recebida no ano seguinte com prestígio na sociedade parisiense e logo conquistou reconhecimento internacional. Em seguida, fundou o Grupo Independente de Estudos Esotéricos, que mais tarde se transformaria em Escola Hermética. No mesmo momento, fundou as revistas A Iniciação e Véu de Ísis; além da Ordem dos Superiores Desconhecidos. Porém, não abandonou a prática profissional de medicina. Pelo contrário, sua tese intitulada A Anatomia Filosófica e suas divisões lhe outorgou o título de Doutor em Medicina, em 1894.
No mesmo período, filiou-se à Sociedade Teosófica e posteriormente ao Templo da Golden Dawn. Foi também consagrado "bispo" da Igreja Gnóstica da França, que tinha por objetivo resgatar a religião dos Cátaros. Em 1897 fundou, juntamente com d’Alveydre, Jollivet Castelot, Sédir, Barlet e Stanislas de Guaita, uma ordem com o intuito de estudar e promover a alquimia.
A ânsia de desenvolver métodos de cura para qualquer enfermidade humana levou Gérard a percorrer vários países europeus nos anos seguintes e confrontar-se com diversas culturas. Entrou em contato com hipnose, homeopatia, técnicas populares, curandeiros e outras fontes, fora do âmbito puramente científico, que enriqueceram seus conhecimentos.
Mesmo os métodos de diagnóstico eram bastante incomuns aos médicos daquele tempo. Gérard observava por clarividência o "astral" do enfermo para avaliar a origem, o tipo e a causa da moléstia. A cura era promovida através do sangue, da urina e de fios de cabelo do paciente. Ainda, segundo suas práticas, as enfermidades eram dividas em três grupos: do Corpo Físico, do Astral e do Espírito; tendo cada uma das áreas, um conjunto de métodos específicos para se obter a cura.
A eficiência de suas práticas elevou sua reputação. Gérard, que a esta altura já era conhecido como Papus, ganhava notoriedade nos meios científicos e, paralelamente, ocultistas e herméticos. Chegou a ir à Rússia, atendendo ao convite do imperador, por três oportunidades.
A trajetória de Papus teve fim no dia 25 de outubro de 1916, acometido pela tuberculose que contraiu enquanto atuava como médico militar na Primeira Guerra. O ambiente familiar, bem como sua formação social, certamente receberam grande influência do intelecto lógico de seu pai, químico por profissão, e da espiritualidade mística de sua mãe, cigana de origem. Desta forma, torna-se mais fácil compreender o desenvolvimento da trajetória profissional de Papus e das influências e combinações místicas que o notabilizaram na sociedade moderna.
Sua contribuição para a medicina alternativa, e mesmo pela convencional, é inegável. Seu legado, composto por aproximadamente 160 trabalhos publicados, é, até os dias de hoje, referência de estudo para profissionais científicos e estudiosos ocultistas. 
http://www.spectrumgothic.com.br
Leia Mais

05/07/2017

Pacto para riqueza de São Cipriano


Hoje trago a oração de São Cipriano para ganhar dinheiro. Existe muita confusão tanto no meio religioso como na internet e mesmo entre os estudiosos de uma forma geral sobre a figura do conhecido santo. Tal confusão, o coloca entre uma figura mística e outra que levanta a bandeira do cristianismo, merece ser estudada com mais afinco a quem interessar. Para nós no atual momento cabe ressaltar os inúmeros relatos da força e dos benefícios obtidos através desta prece.

SALVE SÃO CIPRIANO, fazei que muito dinheiro, riqueza e fortuna, fiquem para sempre comigo (LR). São Cipriano trazei muito dinheiro, riqueza e fortuna para mim (LR). Assim como o galo canta, o burro rincha, o sino toca, a cabra berra, assim Tu, São Cipriano hás de trazer muito dinheiro, riqueza e fortuna para mim pagar minhas dividas(LR). Assim como o sol aparece, a chuva cai, faça São Cipriano que o dinheiro, a riqueza e a fortuna serem dominados por mim para mim pagar minhas dividas(LR) Assim Seja! Preso debaixo do meu pé esquerdo, com dois olhos eu vejo o dinheiro, a riqueza e a fortuna, com três eu prendo o dinheiro, a riqueza e a fortuna para que venham até mim pagar minhas dividas (LR) e que não consigam ficar com quem não merece e que não fiquem com outra pessoa que não seja eu(LR); que atenda todas as minhas vontades, comprando o que eu quiser, gastando como eu queira e que nunca me faça sofrer por ficar sem dinheiro. Que quando eu durma, acorde sempre com o dinheiro!
, a riqueza e fortuna estejam dentro da minha casa, da minha,bolsa, do meu bolso, da minha carteira, da minha conta bancária, da minha empresa ou onde eu (LR) estiver. Que o dinheiro, a riqueza e a fortuna não consigam estar lonGe de mim (LR) e que seus valores sejam sempre altos,muito altos, voltados só para mim (LR). Que o dinheiro, a riqueza e a fortuna sejam muito valiosos para mim (LR) Que assim seja! Pelo poder de São Cipriano, que assim seja! Que muito dinheiro, riqueza e fortuna venham atrás de mim, para que possamos ter conforto, saúde, ajudar os mais necessitados, ter um bom convívio e assim sermos muito felizes. Peço a São Cipriano que o dinheiro, a riqueza e fortuna me procurem ainda hoje, peço isto ao Poder as Três Almas Pretas que vigiam São Cipriano, assim seja! Que o dinheiro, a riqueza e a fortuna venham logo de uma vez para minha casa, para a minha vida. Que os inimigos não nos vejam, não nos enxerguem, assim seja! assim será! Assim está feito! Oh! !
São !
Cipriano e as Três Almas Pretas que vigiam São Cipriano, atendam ao meu pedido!!! Quando acabar de ler esta Oração, publique-a imediatamente, e terás uma SURPRESA.

https://oracaosalverainha.com
Leia Mais

© Dállia Negra - 2016 | Template feito por: Adorável Design | Imagens de ícones e imagem do cabeçalho por: Jaque Design